quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Luz no fim do túnel



Os sádicos já haviam elaborado o roteiro final. Parecia inevitável a queda cruzmaltina. No ano de 2009 o Vasco entraria no hall dos grandes clubes brasileiros a disputar a segunda divisão e degustar o nem tão saboroso gosto de ser rebaixado. Entretanto, diante da torcida goiana, o Vasco da Gama deu a possibilidade aos autores do filme de mudar o final. A lanterna que antes era sinônimo de desespero foi colocada no fim do túnel e passou a significar esperança.

Na noite desta quarta-feira o Vasco foi a Goiânia enfrentar o Goiás. Era a disputa entre o lanterna do campeonato, que não vencia a dez jogos, e o time de melhor campanha no segundo turno e que em casa não perdia a 9 partidas. Dados que deixavam os anti vascaínos confiantes e o vascaínos temerosos. Uma vitória do time da colina seria um feito impossível.

Contudo, o que se viu no Serra Dourada, contrariou as expectativas dos estudiosos. O Vasco venceu por 4 a 2. Placar que poderia ser ainda maior se não fosse à ajuda do senhor juiz, após a não marcação de um pênalti.

O Vasco, enfim, voltou a jogar bem. A vitória era o estímulo necessário para a recuperação do time. Porém a posição ainda não é cômoda. O clube da colina continua na zona de rebaixamento, mas as chances de se livrar definitivamente da degola são grandes se jogar as próximas partidas com o mesmo empenho apresentado no campo goiano. A boa atuação do time devolveu aos vascaínos a confiança e a sensação de que "agora vai". É esperar para ver.