sábado, 25 de abril de 2009

pé-de-chinelo

O Grande Prêmio do Bahrein deixou, mais uma vez, Rubens Barrichello atrás do seu companheiro de equipe Jenson Button no treino classificatório. Pela terceira vez, em três corridas disputadas, Rubinho não conseguiu superar o companheiro. Nunca fui defensora do “pé-de-chinelo”. Sou daquelas que sempre preferi acreditar que o problema estava na Ferrari e em Michael Shumacher. O Alemão detinha todos os privilégios na escuderia Italiana e Rubinho ficava sempre com o que sobrasse. Deixou a Ferrari e foi pra Honda. Teve uma passagem ínfima. Não conseguiu sequer um ponto em todo o campeonato. Ao fim da temporada se viu desempregado. Até que, Ross Brawn fundou a Brawn GP. A confiança adquirida pelo chefão, ainda na Ferrari, fez com que Barrichello tivesse mais uma chance. A nova e promissora escuderia começou voando. E tem um de seus pilotos como o maior candidato ao título. E esse piloto não é Rubinho. É seu companheiro.
Agora não tem Ferrari e muito menos Shumacher. Parece que o estigma de “pé-de-chinelo” é mesmo para sempre.

10 comentários:

Persio Presotto disse...

o rubinho é uma fraude, ray! beijos, pp

Jessica Corais disse...

Raissa, acho que o Rubinho deve estar se perguntando exatamente isso. Na Ferrari a minha desculpa era o Shummy e agora, vou falar o que?

Parabéns pelo blog.

Beijos de Jessica Corais

Carlos Junior disse...

Eu realmente acho o rubinho um mal piloto.

Pode ate deixar seu nome na historia da automobilismo, mas nunca passara de um piloto que correu mais.

O acho um piloto ao nivel de Trulli e tantos outros.

Nelsinho nem se fala!!

Carlos Junior disse...

Eu realmente acho o rubinho um mal piloto.

Pode ate deixar seu nome na historia da automobilismo, mas nunca passara de um piloto que correu mais.

O acho um piloto ao nivel de Trulli e tantos outros.

Nelsinho nem se fala!!

Geovane Oliveira disse...

Poxa num concordo com isso, o carro do Rubinho tava mais pesado em todos os treinos classificatórios por tática da Brawn GP.
Além disso na última corrida ele fez tempo melhor que o Button, porém, foi prejudicado pela troca de câmbio e largou atrás.
Acho que tem muita perseguição com o Rubinho, o problema é que ele abaixou muito a cabeça pro Schumacher na época da Ferrari e acabou virando piada nacional. é triste por quê entre o Massa e ele, sou muito mais ele. Quanto ao Nelsinho nem comento por que é piada, só tá na F1 por causa do nome Piquet.

Renato Piccinin disse...

Eu gosto do Rubinho, mas essa temporada será importante para definir uma posição exata sobre ele. Por enquanto, ele vai mal, Bem mal. Vamos ver como será daqui pra frente.

Breiller disse...

E o Rubinho já declarou que vai viajar ao espaço. Mas aposto que o Schumacher vai primeiro - e, se bobear, até o Jason Button. Hehe!

Beijo!

Everton Domingues disse...

Oi Raissa
Conheci seu blog agora e li bastante coisa q gostei. Mas me ative a este texto do Rubinho e vou deixar minha opinião.
Primeiro, sem pretenção alguma, trabalhei uns anos com automobilismo e fiz muita F1. Conheço bem este métier e acho q por isso hj escolhi ser apenas um observador e me dedico mais aos esportes olímpicos. Lá vale, sim, a grana e os interesses q levam a ela. Muito mais do q em outros lugares. Meu estômago não aguentou.
Bem, o Rubinho não é apenas um bom piloto. É UM PILOTO MUITO ACIMA DA MÉDIA. Isso se mede mais q pelos resultados (pq estes advém tb do suporte existente, do trabalho da equipe e os interesses 'ocultos' e não só pela competência de quem guia). Se mede, basicamente, a qualidade de um piloto na capacidade dele ajustar um carro (e o Rubens é um exímio preparador dentro do cockpit) e na pilotagem em condições adversas, como na chuva. Nestas condições, muitas vezes, a qualidade desigual dos carros meio q se equivale e o diferencial fica no cara atrás do volante. E o Rubens, como todos sabem, é feríssima na pista molhada. Ali o talento pode superar a máquina. A história da Ferrari não é ladainha. Vivi aquilo bem de perto como jornalista. O Shumi (apesar da genealidade) era o dono da bola, sim. E tudo girava em torno dele. Ponto. Hoje na Brawn GP, Jason Button (os ingleses são bairristas ao extremo) é o xodó da casa, embora o dono da equipe goste do Rubinho como pessoa e profissional. Existe uma tendencia natural de esforço maior para o english boy. E o brasileiro luta tb contra isso, além das limitações q todos nós temos, inclusive ele. Mas, de tudo, oq eu mais queria ressaltar é o caráter de Rubens Barrichelo, pois quem entende realmente de automobilismo sabe q ele é muito bom e esta questão NUNCA deveria entrar em pautas sérias. Ele, há muito tempo (foi de classe média, lembro), está com sua vida financeira extremamente garantida pelo menos por mais umas duas gerações de descendentes. Não está querendo bater mais recordes, como oq já registrou ano passado como piloto com mais GP's corridos. Seu ego é pacifico, não sobe a cabeça. Ele já poderia ter pendurado o capacete profissional e ir correr pra brincar, só. Mas o Rubinho ama de verdade oq faz e é um cara extremamente atraido pelo desafio. Prova disso, é ter se mantido na 'falida' Honda segurando a bronca com dignidade até o final. E lutou para permanecer na equipe 'doada' ao Ross Brawn de forma limpa. Sua competência o manteve lá. Cometeu erros na carreira, dentro e fora da pista. Mas é competente e muito. Os resultados estão vindo, claro q muita coisa vai mudar daqui pra frente especialmente com o advento do novo difusor em V. Mas a Brawn de Rubinho (apesar da preferência interna da equipe em relação ao Button e a torcida contra, especialmente aqui no Brasil, de muita gente) ainda vai dar melhores resultados, eu creio.
Desculpe o pequeno desabafo, Raissa. Vc como jornalista nova e ainda movida pela paixão das descobertas, às vezes pode se amparar nas opiniões de outros 'coleguinhas' mais experientes q escrevem muita besteira por ai. O jornalismo esportivo no Brasil, sim, ainda tá cheio de 'pé-de´chinelo' ocupando cargos de destaque. Poucos são os nossos jornalistas q estudam de verdade sobre os assuntos q vão escrever. E só se valem do bom dominio da língua para digitar asneiras. Por favor, pelo teu bem profissional q acredito tenha um futuro lindo (vejo pelo teu esforço em construir o blog com dignidade) cuidado qdo exprimir opiniões sem olhar a fundo todas as facetas da notícia. Essa é a opinião de um cara q esta aprendendo muito na vida, todos os dias. E q luto para manter uma meta: a missão do jornalista é partilhar as inforçações com o máximo de clareza e total credibilidade.
Bj e sucesso.. já sou seu seguidor!

Everton Domingues
(apaixonado por esporte e desafios)
www.beijingolimpica.blogspot.com,
www.londresolmpica.blogspot.com e
www.vancouverolimpica.blogspot.com

Net Esportes disse...

Eu sempre gostei e torci pelo Rubinho, inclusive esse ano, mas não tem jeito mesmo, perdi as esperanças depois dessa prova..... ficar reclamando do Nelsinho foi demais da conta ... !!!!

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,